Entre o Olho e o Olhar

"Escreve a filósofa Marilena Chauí que raras vezes despertam atenção as palavras de nosso cotidiano: aceitamos discordâncias dizendo que cada qual tem direito ao seu ponto de vista ou à sua perspectiva, não nos surpreende usarmos a expressão “ter (ou não ter) algo a ver” ao pretendermos afirmar (ou negar) relações entre coisas, pessoas ou fatos, nem que, declaremos necessária uma consequência dizendo: “logo se vê” ou “está-se vendo”..."

 

Download

 

 

Autor: 
Argus Vasconcelos de Almeida
Ano de Publicação: 
2013